Leituras do dia - 14/1/2020

Ver todo o calendário

  • 1° Semana do Tempo Comum

     

     

    1Sm 1,9-20

     

     

    9 (Desta vez) Ana levantou-se, depois de ter comido e bebido em Silo. Ora, o sacerdote Heli estava sentado numa cadeira à entrada do templo do Senhor. 10 Ana, profundamente amargurada, orou ao Senhor e chorou copiosamente. 11 E fez um voto, dizendo: Senhor dos exércitos, se vos dignardes olhar para a aflição de vossa serva, e vos lembrardes de mim; se não vos esquecerdes de vossa escrava e lhe derdes um filho varão, eu o consagrarei ao Senhor durante todos os dias de sua vida, e a navalha não passará pela sua cabeça. 12 Prolongando ela sua oração diante do Senhor, Heli observava o movimento dos seus lábios. 13 Ana, porém, falava no seu coração, e apenas se moviam os seus lábios, sem se lhe ouvir a voz. 14 Heli, julgando-a ébria, falou-lhe: Até quando estarás tu embriagada? Vai-te e deixa passar o teu vinho. 15 Não é assim, meu Senhor, respondeu ela, eu sou uma mulher aflita: não bebi nem vinho, nem álcool, mas derramo a minha alma na presença do Senhor. 16 Não tomes a tua escrava por uma pessoa frívola, porque é a grandeza de minha dor e de minha aflição que me fez falar até aqui. 17 Heli respondeu: Vai em paz, e o Deus de Israel te conceda o que lhe pedes. 18 Encontre a tua serva graça aos teus olhos, ajuntou ela. A mulher se foi, comeu, e o seu rosto não era mais o mesmo. 19 No dia seguinte pela manhã, prostraram-se diante do Senhor, e voltaram para a sua casa em Ramá. 20 Elcana conheceu Ana, sua mulher, e o Senhor lembrou-se dela. Ana concebeu, e, passado o seu tempo, deu à luz um filho que chamou Samuel; porque, dizia, eu o pedi ao Senhor.

  • 1° Semana do Tempo Comum

     

     

    Salmo 1Sm 2,1.4-5.6-8

     

     

    Resposta: “Meu coração se alegrou em Deus, meu Salvador.”

     

     

    1 Ana pronunciou esta prece: Exulta o meu coração no Senhor, nele se eleva a minha força; a minha boca desafia os meus adversários, porque me alegro na vossa salvação.
    4 Quebra-se o arco dos fortes, enquanto os fracos se revestem de vigor.

     

     

    5 Os abastados se assalariam para ganharem o que comer, enquanto os famintos são saciados. Sete vezes dá à luz a estéril, enquanto a mãe de numerosos filhos enlanguesce.
    6 O Senhor dá a morte e a vida, faz descer à habitação dos mortos e de lá voltar.

     

     

    7 O Senhor empobrece e enriquece; humilha e exalta.
    8 Levanta do pó o mendigo, do esterco retira o indigente, para fazê-los sentar-se entre os nobres e outorgar-lhes um trono de honra, porque do Senhor são as colunas da terra. Sobre elas estabeleceu o mundo.

     

  • 1° Semana do Tempo Comum

     

     

    Mc 1,21b-28

     

     

    21b E já no dia de sábado, Jesus entrou na sinagoga e pôs-se a ensinar. 22 Maravilhavam-se da sua doutrina, porque os ensinava como quem tem autoridade e não como os escribas. 23 Ora, na sinagoga deles achava-se um homem possesso de um espírito imundo, que gritou: 24 "Que tens tu conosco, Jesus de Nazaré? Vieste perder-nos? Sei quem és: o Santo de Deus! 25 Mas Jesus intimou-o, dizendo: "Cala-te, sai deste homem!" 26 O espírito imundo agitou-o violentamente e, dando um grande grito, saiu. 27 Ficaram todos tão admirados, que perguntavam uns aos outros: "Que é isto? Eis um ensinamento novo, e feito com autoridade; além disso, ele manda até nos espíritos imundos e lhe obedecem!" 28 A sua fama divulgou-se logo por todos os arredores da Galiléia.

     

     

    Comentário:

     

     

    Que vem a ser isto? — Uma nova doutrina e uma nova autoridade. A força do ensinamento de Jesus é autenticada pela vitória sobre o Espírito do mal, “espírito impuro”, porque se opõe à santidade de Deus e da Lei. Cura em dia de sábado, libertando o homem da escravidão da letra que mata, para caminhar na Lei nova que vivifica. O primeiro milagre de Jesus no Evangelho de Marcos foi libertar um homem do poder do Maligno. Libertar é a sua missão; o seu nome é Libertador.

     

     

    “Cala-te e sai desse homem”. Jesus vem para vencer o Espírito do mal e deitá-lo a perder. Expulsar demônios era sinal messiânico, certeza de que o Reino de Deus já chegou. O Demônio sabe-o e por isso teme. Mais ainda. Também ele é pregador de Cristo. Tudo quanto disser e fizer redunda e converge para a sua glória e triunfo. As forças do mal, que alarmam o mundo, servem, a seu modo, os projetos de Deus. O Demônio não é um poder paralelo, mas um vencido; é servo e não senhor. Apesar disso, para muitos, convence mais o medo do Demônio do que o amor e a cruz de Jesus Cristo.

     

     

    E eu sei quem é Cristo? Ele há de ser para nós a ciência, que excede todo o conhecimento (Ef 3,19). Como Paulo, o cristão não devia prezar-se de saber mais nada senão Cristo crucificado. Não é ciência de eruditos, mas sabedoria do coração. Para os que seguem o mundo, a ciência de Cristo é loucura. Mas a sabedoria da cruz tudo ultrapassa e, perante ela, a ciência do mundo é ignorância. O que nos impede de saber Cristo é um “demônio impuro” de orgulho e egoísmo, que nos cega e obscurece. “Cala-te! Sai!”.

     

     

    Senhor, Tu és o Santo de Deus!

     

     

    Catecismo da Igreja Católica
    §§ 391-395



    «Vieste para nos perder?»

     

     

    Por detrás da opção de desobediência dos nossos primeiros pais, há uma voz sedutora, oposta a Deus (Gn 3,1-5), a qual, por inveja, os faz cair na morte (Sb 2,24). A Escritura e a Tradição da Igreja veem neste ser um anjo decaído, chamado Satanás ou Diabo (Jo 8,44; Ap 12,9). Segundo o ensinamento da Igreja, ele foi primeiro um anjo bom, criado por Deus. «O Diabo e os outros demônios foram por Deus criados naturalmente bons; mas eles, por si, é que se fizeram maus» (Concílio de Latrão).

     

     

    A Escritura fala dum pecado destes anjos (2Pe 2,4). A queda consiste na livre opção destes espíritos criados, que, radical e irrevogavelmente, recusaram Deus e o seu Reino. Encontramos um reflexo desta rebelião nas palavras do tentador aos nossos primeiros pais: «Sereis como Deus» (Gn 3,5). O Diabo é «pecador desde o princípio» (1Jo 3,8) e «pai da mentira» (Jo 8,44). É o carácter irrevogável da sua opção, e não uma falha da infinita misericórdia de Deus, que faz com que o pecado dos anjos não possa ser perdoado. «Não há arrependimento para eles depois da queda, tal como não há arrependimento para os homens depois da morte» (São João Damasceno).

     

     

    A Escritura atesta a influência nefasta daquele a que Jesus chama «assassino desde o princípio» (Jo 8,44), e que chegou ao ponto de tentar desviar Jesus da missão recebida do Pai (Mt 4,1-11). «Foi para destruir as obras do Diabo que apareceu o Filho de Deus» (1Jo 3,8). Dessas obras, a mais grave em consequências foi a mentirosa sedução que induziu o homem a desobedecer a Deus.

     

     

    No entanto, o poder de Satanás não é infinito. Satanás é uma simples criatura, poderosa pelo fato de ser puro espírito, mas criatura: impotente para impedir a edificação do Reino de Deus.

Share Button

<
>
  • VITÓRIA PELA ORAÇÃO

    Vitória pela oração

    por apenas R$ 9,52

  • MORTE: LUCRO OU PERDA?

    Morte: lucro ou perda?

    por apenas R$ 9,52

  • O FOGO DE PENTECOSTES

    O fogo de pentecostes

    por apenas R$ 11,84

  • O MANUAL DA FELICIDADE

    O manual da felicidade

    por apenas R$ 11,12

  • CURA DAS EMOÇÕES EM CRISTO

    Cura das emoções em cristo

    por apenas R$ 10,32

  • BATALHA ESPIRITUAL

    Batalha espiritual

    por apenas R$ 13,60

  • CURA DAS ENFERMIDADES

    Cura das enfermidades

    por apenas R$ 10,00

  • ORAÇÕES DE CURA E  LIBERTAÇÃO

    Orações de cura e libertação

    por apenas R$ 10,32

  • ACENDA A LUZ

    Acenda a luz

    por apenas R$ 13,20

  • COMO REZAR PELA CURA ENTRE AS GERAÇÕES

    Como rezar pela cura entre as gerações

    por apenas R$ 10,00

  • COLHENDO PROSPERIDADE

    Colhendo prosperidade

    por apenas R$ 7,92

  • DEVOCIONARIO NOSSA SRA PRAZERES

    Devocionario nossa sra prazeres

    por apenas R$ 4,80

  • CATÓLICO PODE OU NAO PODE? POR QUE?

    Católico pode ou nao pode? por que?

    por apenas R$ 12,80

  • CATÓLICO PODE OU NAO PODE? POR QUÊ? II

    Católico pode ou nao pode? por quê? ii

    por apenas R$ 12,80

  • O MILAGRE DA EUCARISTIA PARA VOCÊ

    O milagre da eucaristia para você

    por apenas R$ 14,32

  • CERCO DE JERICÓ O CAMINHO DA VITÓRIA

    Cerco de jericó o caminho da vitória

    por apenas R$ 13,20

  • O TEMPO DOS MILAGRES

    O tempo dos milagres

    por apenas R$ 16,80

  • ENVIA O ESPÍRITO SANTO NOVENAS PENTECOSTES

    Envia o espírito santo novenas pentecostes

    por apenas R$ 11,92

  • VISITEMOS JESUS SACRAMENTADO

    Visitemos jesus sacramentado

    por apenas R$ 13,20

  • ELES ENCONTRARAM A FELICIDADE. E VOCÊ?

    Eles encontraram a felicidade. e você?

    por apenas R$ 15,12

  • MAIO COM MARIA

    Maio com maria

    por apenas R$ 6,24

  • O MÊS DE SÃO JOSÉ  DOUTRINA, ORAÇÕES, EXEMPLOS

    O mês de são josé doutrina, orações, exemplos

    por apenas R$ 8,80

  • O GRANDE, O HUMILDE  SÃO MIGUEL

    O grande, o humilde são miguel

    por apenas R$ 10,00

  • MÊS DO CORAÇÃO DE JESUS

    Mês do coração de jesus

    por apenas R$ 11,20

  • MENSAGENS ENCONTRO COM CRISTO

    Mensagens encontro com cristo

    por apenas R$ 14,32